Ter uma reserva financeira garante uma aposentadoria tranquila?

Essa é uma dúvida que passa pela cabeça de muita gente. No entanto, os especialistas alertam que é preciso entender que uma reserva financeira é diferente de um planejamento financeiro para a aposentadoria. Nesse caso, a recomendação é que as reservas financeiras sejam utilizadas somente em situações de emergência.

Perder o emprego, sofrer um acidente, uma doença mais séria que precise de medicamentos caros ou qualquer outra situação que provoque um gasto imprevisível, são coisas que muitas vezes preferimos não pensar. Com isso, acabamos não guardando dinheiro para emergências. Como têm finalidades diferentes, os valores da aposentadoria e de uma reserva financeira devem ser distribuídos de maneira diferente também. O ideal é que o dinheiro dessa reserva possa cobrir seus gastos e os da família por pelo menos seis meses.

Já para a aposentadoria, os especialistas recomendam fazer um planejamento financeiro para garantir tranquilidade na terceira idade. Quanto mais cedo ele começar, fica mais fácil de garantir um futuro com segurança. A dica é investir em planos de previdência privada, poupança, aplicações financeiras e outras rendas adicionais à aposentadoria, como um imóvel alugado, por exemplo.